As sete melhores aberturas de novela da TV brasileira

Há 2 anos atrás
Aberturas são as marcas registradas de uma novela Foto: Reprodução/TV Globo
Compartilhe:

A abertura de uma novela é como se fosse a sua embalagem. É algo que vai ser exibido diariamente e tem quase que a obrigação de deixar em si a marca da novela. Algumas cumprem tão bem esta missão que, mesmo que a novela não seja um sucesso, são sempre lembradas pela abertura. Outras possuem uma abertura tão meia boca que é alterada ou deixada de ser exibida.

O Tela em Vista fez uma seleção das sete melhores aberturas de novelas da TV, sejam brasileiras ou estrangeiras exibidas aqui nas terra tupiniquins. Confira.

Em sétimo lugar está “Essas Mulheres”, trama exibida pela Record em 2005 e considerada pela crítica um dos melhores produtos da emissora. A novela junta as três principais personagens do escritor José de Alencar e as mostra já na abertura.

“Maria do Bairro”, exibida em 1996 pelo SBT, é talvez a novela mais assistida da TV mundial. A traz em sua abertura os elementos tradicionais da novela mexicana: resumo da história e presença dos personagens. A música dançante na voz da protagonista Thalía faz com que a abertura seja inconfundível, realmente um marco.

Em quinto lugar está “A Indomada”, novela das oito na Globo em 1997. A abertura traz uma mulher correndo e passando por diversos obstáculos, que não conseguem fazê-la parar e honram o nome da trama de Agnaldo Silva.

“O Clone” (2001/2002) foi um estrondoso sucesso da parceria Glória Perez e Jayme Monjardim. Essa abertura traz uma trilha sonora de autoria de Marcus Viana e é extremamente conceitual, em precisar ser chata.

Em terceiro está “Xica da Silva” (1996), trama adaptada por Walcyr Carrasco (sob o pseudônimo de Adamo Rangel) para a TV Manchete. “Xica” foi um grande sucesso que recolocou a Manchete no auge da produção em teledramaturgia nacional. A abertura também causou polêmica na época por mostrar Xica (Taís Araújo) vestida de Nossa Senhora da Conceição, sendo assediada por um anjo que tenta arrancar seu manto.

“A Favorita” foi uma novela que literalmente mudou a forma de se fazer novela no Brasil. Inovadora em vários aspectos, não poderia deixar de ser diferente na abertura. Muitos garantem que o mistério sobre quem era a verdadeira vilã da novela estava revelado desde o início na abertura. Você consegue identificar?

Em primeiro lugar está a abertura da novela “Sangue do meu Sangue”, que foi ao ar em 1995 no SBT. Trazendo o tema da escravidão, a abertura da novela mostra um escravo correndo com um bebê negro nos braços e quebrando uma corrente diante de um precipício. É de arrepiar e emocionar. Infelizmente essa abertura foi alterada por outra mais simples durante a exibição da novela.

Leia também:

>> Globo exibe primeira cena de sexo gay da TV em “Liberdade, Liberdade”

>> Nascem coisas incríveis quando fãs de Pokémon e Digimon se unem

>> Chaves: saiba quem é a misteriosa personagem que aparece em apenas um episódio

PUBLICIDADE: